Arquivos do Blog

Brincadeira cama de gato

Atividade que desenvolve a destreza do aluno são 16 passos. Muito legal vale a pena tentar. E os alunos adoraram .

Fonte: Brincadeira de quando eu era criança

Confeccionando bandeirinhas para festa junina

Deficiência intelectual: o conceito

O conceito de Deficiência intelectual, passou no decorrer dos anos por diversas definições e terminologias para caracterizá-la, tais como: Oligofrenia, Retardo mental, Atraso mental, Deficiência mental, etc. De acordo com Krynski et al. (1983), esse tipo de deficiência é um vasto complexo de quadros clínicos, produzidos por várias etiologias e que se caracteriza pelo desenvolvimento intelectual insuficiente, em termos globais ou específicos.deficiencia_mental1 Leia o resto deste post

Formas criativas para estimular a mente de alunos com deficiência

De todas as experiências que surgem no caminho de quem trabalha com a inclusão, receber um aluno com deficiência intelectual parece a mais complexa. Para o surdo, os primeiros passos são dados com a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Os cegos têm o braile como ferramenta básica e, para os estudantes com limitações físicas, adaptações no ambiente e nos materiais costumam resolver os entraves do dia-a-dia.

Mas por onde começar quando a deficiência é intelectual? Melhor do que se prender a relatórios médicos, os educadores das salas de recurso e das regulares precisam entender que tais diagnósticos são uma pista para descobrir o que interessa: quais obstáculos o aluno enfrentará para aprender – e eles, para ensinar.

223-inclusao1

CONCENTRAÇÃO Enquanto a turma lê fábulas, Moisés faz desenhos sobre o tema para exercitar o foco. Foto: Tatianal Cardeal

 

Leia o resto deste post

Trabalhando com famílias silábicas

Língua Portuguesa –famílias silábicas Montagem de palavras a partir de sílabas:

Jogo Arremeso

Objetivo: Trabalhar  percepção, reflexo e coordenação motora.

Material utilizado:

Recipiente plástico descartável:

Jornal e tesoura.

Os alunos nesta atividade recortaram o recipiente plástico, amassaram o jornal para confeccionar a bola de papel. Depois do jogo pronto, jogamos com outros alunos da escola,para trabalhar interação. Atividade foi desenvolvida com o intuito de desenvolver seus reflexo, percepção e coordenação motora. Está atividade foi produtiva na teoria e na prática.

Apresentação dos aluno da E.E.F.C.C.Ayres Gevaerd.

Na semana da deficiência intelectual e múltipla. A secretaria Municipal de educação convidou as unidades escolares para participar de  um dia na praça, com atividades lúdicas, contação  de história, apresentação de dança, entre outras atividades. Os nossos alunos foram participar no um dia na praça. As meninas dançaram maravilhosamente. Parabéns professora Janete e o grupo .

Os alunos participando das ativdades.